domingo, 15 de maio de 2011

Feira do Livro de Lisboa 2011 (e Aquisições) Parte IV e Balanço

Fui ontem à Feira do Livro com a minha mãe; ela esteve em Lisboa este fim de semana e aproveitei para dar uma voltinha com ela pela Feira. Ela queria comprar o último livro do Luís Miguel Rocha, A Mentira Sagrada, e nesse aspecto não teve problemas, já que havia uma estante inteira só com o livro. Também andámos à procura do livro anterior deste autor, A Bala Santa, e fomos à barraca da Cavalo de Ferro à procura do mesmo.

Apanhámos uma bela surpresa. É que na Cavalo de Ferro disseram-nos que o livro estava descatalogado e que poderíamos encontrá-lo na barraca da Livraria Rodrigues. A minha mãe ficou chocadíssima quando viu que o livro estava a 1€. Lá veio com o livro e eu vim a descer a Feira a tentar explicar-lhe sobre livros descatalogados e outras razões para os livros estarem a estes preços de gritos. (Não que eu seja grande expert nestas coisas.)

Quando passámos pela Presença a descer estava uma senhora a atrair pessoas para uma promoção deles, em que com um código num folheto podemos ir ao site da Presença e oferecem-nos o livro, e só temos de pagar os portes. Eu trouxe o folheto da esquerda na foto e a minha mãe o da direita. Lá terei de experimentar brevemente e ver se consigo usufruir desta promoção.


Andava por lá uma senhora vestida de gueixa a distribuir o marcador que está em baixo. É uma espada samurai, penso, que dá para colocar na bainha desenhada no marcador principal - alusivo à saga Otori, de Lian Hearn. Por falar nisso, a autora estava na Feira e ia haver uma sessão de autógrafos, mas não tive oportunidade de ficar mais tempo na Feira à espera da sessão.

Ainda trouxe uma coisa da Feira que não um livro - uma pena-caneta que a Bertrand andava a oferecer com o livro Crescendo, da Becca Fitzpatrick. Bem, andavam um par de rapazes com asas pretas penduradas às costas a distribui-las na zona da Porto Editora-Bertrand. Andava eu a invejar a caneta só haver nas livrarias Bertrand e afinal ganhei uma de mão beijada. :D


Em balanço da Feira do Livro de Lisboa só posso dizer que foi positivo, acho que aproveitei muito bem as promoções disponíveis e trouxe para casa livros que tinha planeado trazer antes da Feira começar, ou livros que me tinham piscado o olho há que tempos e finalmente tive oportunidade de os trazer para cada. Estive a fazer umas contas do que gastei e comprei e creio que cada livro custou em média cerca de 6,5€, o que é uma boa compra em relação ao preço de venda ao público de muitos deles. Fico aborrecida de ainda não ser desta que adquiro e leio a série Sevenwaters da Juliet Marillier, mas c'est la vie, fica para a próxima. Para o próximo ano, lá estarei no Parque Eduardo VII outra vez.

1 comentário:

  1. Esses marcador de livros, e a pena, são fantásticos. Que sorte! O.O

    ResponderEliminar